insignificante
Tuesday, September 30, 2008
 
Não recordo tanto tempo sem ocupar-me do #insignificante#.
Só o muito trabalho, até ao regresso das cãibras me motivou a tal.
E hoje também porque além de tudo ainda estou a ver o crescimento da boleta, que essa não se vá esfumar numa bolha como o capitalismo de casino, agora a deixar de ser liberal e a procurar o proteccionismo para proteger a queda do castelo de cartas em que se transformou.
Sem produção, exportada para zonas sem economia, sem controle de qualidade nem qualquer sistema de balanços é evidente que só podia dar nisto.
O casino veiu abaixo e o pior é que os donos do mesmo já se safaram e quem se lixa é o mexilhão.
Não posso desenvolver que tenho que ir tratar do porquinhos também mealheiro mas à espera da boleta que lhe irá encher o bucho.
 
Sunday, September 21, 2008
 
Os assuntos não faltam, mas falta o tempo crucificado pela sua transformação e renascimento.
Da situação no Caucaso aos Estados Unidos, da crise financeira, a bolha, ao CERN, das intrigas e manipulações em que se vão convertendo os média, passadores de recados ou recados eles mesmo (e ainda existe uma espécie de jornal chamado Semanário que todas as semanas é capaz de bater o record da mais disparatada invenção. Já ninguem o lé! e o Sol pela mão daqueles vai pelo mesmo caminho).
Pois todos os dias as manipulações, as interpretações abusivas, as recriações são titulo, que é a única razão da existência da maioria dos jornais, título para ver e não vender que as compras reduzem-se.
A semana passou a correr e dela em jeito de diario fica:
Tenho dois livros em processo de edição.
Irei ter, ou melhor tenho mais responsabilidades no gabinete dos CPLs
Os instrumentos educativos que estou a produzir estão a avançar
Na AI vamos deslindando uma e outra questão mas os direitos humanos continuam a precisar de velas
Os ex trabalhadores das minas da Urgeiriça continuam empenhados pelos seus direitos sociais e ambientais e as populações de Nisa empenhadas num desenvolvimento apropriado
Estive numa participada festa de anos, do PCR, com muitos, muitos amigos, e a amargura de outros, e a disponibilidade e fraternidade que faz o nosso presente e que vem do fundo da alma.
Gostei de estar, de ver, de falar, beber e "fumar". Como no passado, como devia ser sempre.
 
Wednesday, September 17, 2008
 
antigamente havia menos palavras, havia menos significados para elas, eramos menos capazes de dar sentidos diferentes às frases que construiamos, parecia que com isso a realidade era menos turva, ou talvez menos complexa.
hoje tudo pode significar outra coisa, podemos construir frases, eneigmas, de que só nós e talvez alguns iniciados temos o segredo, porque esse está inscrito em códigos que não estão acessíveis à massa.
e temos os sentidos, que damos ou emprestamos ao discurso, aos discursos que podem ser todos passiveis de retrocesso nas palavras que para eles usamos.
tudo é poder, poder diluido na sua própria mensagem.
ganda nóia, ganda nóia... ;)
 
Monday, September 15, 2008
 
;), hoje.
Sem intenção, que não seja a de buscar a imaginação que falta, talvez incapacitada de concreto, porque tudo se escapa entre os dedos da mão.
Pedem-me um artigo para o Cometa, a semana parece engarrafada de reuniões e outros tempos pelo meio, e não tenho a minima ideia, de tema, ou de como falar do tema, ou de como criticar o mesmo.
Estou por aí e não encontro nada que mereça comentar, não encontro nada que suscite originalidade.
Viajo, leio e paro nos tempos desse, deste tempo que continua a perseguir o tempo que vem a seguir.
Bloqueio, se fosse criativo...
 
Tuesday, September 09, 2008
 
CML,
é um mundo complicado, onde o funcionamento é tortuoso, hoje a título de exemplo andei atrás de um pedido, simples de utilização do espaço público, para um projecto de que o municipio é parceiro (Cidades pela Vida).
Pois o processo já andou por 6 ou 7 mãos e está longe da decisão...
Escrevo isto num dia onde a notícia é o acordo entre os CPL e António Costa (é rídiculo ver como o Publico distorce a notícia, anunciou que Helena Roseta iria "tomar conta" da Baixa, e em vez de reconhecer que errou continua a manipulação da informação disfarçando a atordoada com fumo para o ar) nos termos dos quais iremos continuar a fazer o que à um ano fazemos que é o escrutínio rigoroso da acção da gestão, e o apoio e crítica no âmbito dos príncipios em que se baseia a nossa intervenção, mas agora com possibilidade de em áreas sem controvérsia à priori, mas onde poderemos emprestar um cunho especifico, dar um contributo para melhorar Lisboa.
Uma simples volta pelos comentários, à tal notícia manipulada do Público basta para ver que a maioria dos escribas não é capaz de ler e menos ainda de escrever duas ideias com nexo, e estes opinadores vivem no seu próprio umbigo, if you know what I mean.
Os desafios que temos pela frente são imensos.
Dar uma volta à organização do nosso gabinete e tornar claro que temos uma política, que se baseia na participação cidadã, na transparência de processos e clareza de informação, e uma dimensão para a cidade que seja convivial, sustentável, à escala das gentes e onde o poder de viver seja tópico de cidadania.
Manter autonomia de acção e essa passa por estabelecer pontes na vida, nos contactos e na política, na cidade, para a cidade e o país.
Nós somos aqueles porque estavamos à espera, é um bom slogan mas tem que se materializar em conteudos e acção para os tornar prática.
Desafios estão agora em face, Helena Roseta, alma grande que protagoniza esta nova cidadania e os que a acompanhamos estamos conscientes dos obstáculos, estamos conscientes das dificuldades e já sabemos dos outros.
Mas no quadro do confronto político, das convergências e também das divergências, que também surgem no nosso seio, temos um caminho.
E se esse não conduzir a lado nenhum, sentamo-nos, e recordaremos o recorrido e inventaremos o resto.

Labels: ,

 
Sunday, September 07, 2008
 
Casou o primo Manuel, com a Maria, nova prima para formar mais um casal para a continuidade dos Garcias.
Foi uma festa muito bonita, todos família e amigos estiveram felizes e bonitos, sendo que os noivos e a familia mais chegada ( e a prima Angelita com a sua soberba mantilha estava linda de morrer) brilharam.
Um presunto que se derretia na boca e de que nenhuma ASAE teria dó nem piedade, uns aperitivos de sonho e um jantar digno, com sobremesas e queijos de não poder mais.
A CRF pena ter sido consumida rápido, mas ainda bem que assim ainda mantive a cabeça a "funceminar" e a música não suscitou muita bailação, o que permitiu mais conversa e convivio amistoso.
A lembrança do tio André e do seu casamento em 1942, e o episódio que o rodeou foram momento marcante de história para as nossas estórias comuns.
Para o Manuel e a Maria vai todo o nosso amor, lembrando o passado, a familia comum, ermanada no tempo e que seguirá no coração, no convivio e na continuidade.

Labels: ,

 
Thursday, September 04, 2008
 
Faz tempo que não ia a reuniões da vereação alfacinha...
ontem era mais uma sessão "descentralizada", onde ouvimos as populações, e o executivo dá seguimento ao possível, com contributos que eventualmente a restante vereação possa fornecer.
Além da ouvidoria a tomada da palavra, mesmo pelos que não teêm pelouros é importante para mostrar o empenho na cidadania.
Ontem podemos emprestar o nosso contributo em dois temas e nesses estabelecer pontes, indiciar consensos, aplainar contradições (*).

Sem esquecer o passado triste do mandato do Eng. Abecassis, cuja memória não merece que não definamos a sua gestão como errática e a sua ideia de Lisboa completamente errada, onde se começaram muitos erros que inundam hoje Lisboa, o menor dos quais não é certamente a enorme quantidades de pontos de poderes e poderzinhos que inundam a cidade de burocracias e entraves à informação e aos processos de gestão mais adequados.
Não esquecer o passado e as tenebrosas ligações entre clubes de futebol, construção civil e a sua articulação, a corrupção que conforme o vereador Sá Fernandes (que é injusto dizer que não faz falta, eu aliás penso que além de procurar fazer o melhor que sabe é um personagem inigualável!!!) referiu recentemente (sem que eu faça senão citá-lo!) ainda abunda na C.M.L.
Pois por talvez como diz quem sabe abundar essa e outros impedimentos da cidadania é que por proposta dos Cidadãos Por Lisboa a C.M.L. hoje é obrigada a disponibilizar informação sobre os processos aos cidadãos e os procedimentos administrativos são cuidadosamente escrutinados.
Ás 23 horas, após quase 5 horas de reunião demos a língua ao gato e fomos meter um prego.

(*)
Tive ocasião de anunciar que numa lógica integrada, e não em pontualidades como anunciou algumas acções o Vereador Manuel Salgado, e ouvindo os representantes do povo da freguesia e recebendo os seus contributos os CpL irão apresentar ainda este mês uma proposta sobre o centro Histórico de Carnide em reunião da C.M.L.
e que além dos moradores lesados pela Cofina terem merecido o nosso apoio irrestrito pensamos que é positivo que da parte da vereação do urbanismo haja abertura para correcções ao status quo e que a proposta que os moradores fizeram possa encontrar sede de acolhimento e de abertura para o dialogo por parte do executivo.
O Presidente António Costa secundou a nossa posição, também neste caso, o que nos apraz.

Labels:

 
Tuesday, September 02, 2008
 
Algo está em movimento.
Os sinais, de fogo, como diria Jorge de Sena, são muitos.
O silêncio do PSD (e o novo partido que está em formação no seu bojo, e que leva os destroços do CDS), a boçalidade do Primeiro Ministro (hoje ao falar de 40.000 licenciados no desemprego, por exemplo) e o que tremelica pelo PS, também por via disso.... a estagnação do PCP, incapaz de novas respostas aos problemas sociais e de conquistar sectores meaningfull como dizem os linguistas, com qualquer significado e os debates que deveriam romper o BE (ou deverão?) dizem-nos, melhor que as estrelas onde o futuro existe já.
Algo está em movimento, baralhar, distribuir e baralhar novamente e distribuir. Nunca a imprevisibilidade esteve tão certa.
No centro do furacão!
Aió Silver!
 
Monday, September 01, 2008
 
No Pais das Maravilhas ou do Outro Lado do Espelho tudo é mais simples, porque tudo pode ser o seu contrário, ou reverso diriam os nuestros hermanos, ao sabor do génio de um gato mágico que até cofia os bigodes ao interpelar a Alice.
Claro que vivemos num mundo de cartas, com os 4 naipes e ás vezes, dependendo do jogo, trunfos e destrunfos.
Enigmas e desengnimas, como inventaria o Zédu, o criador de passados, e das suas invenções.
Nada parece o que é e tudo pode ter muitas, diversas interpretações.
A vida não pára e não conhecemos dela senão o momento presente e as estórias ou a imaginação.
Que podemos parar, num momento e pensá-lo. É o que fica e passa.
Todos os dias são hoje, ontem foi, amanhã possibilidade, nada é tudo, tudo é nada também dizia George Orwell noutro livro mágico onde só as ratazanas instigam horror, só na imaginação existe medo.
Os comboios continuam nos carris, a vida continua balizada por esses, em Austerlitz, na Campanhã, em Kings Cross, em Sta Apolónia, ou no fim da linha do Douro, em todas as estações e apeadeiros temos estórias, em todas inventamos do percuso continuidade.
Talvez, talvez sim, talvez não.
Ocapa!
 
civetta.buho@gmail.com

ARCHIVES
06/01/2003 - 07/01/2003 / 07/01/2003 - 08/01/2003 / 08/01/2003 - 09/01/2003 / 09/01/2003 - 10/01/2003 / 10/01/2003 - 11/01/2003 / 11/01/2003 - 12/01/2003 / 12/01/2003 - 01/01/2004 / 01/01/2004 - 02/01/2004 / 02/01/2004 - 03/01/2004 / 03/01/2004 - 04/01/2004 / 04/01/2004 - 05/01/2004 / 05/01/2004 - 06/01/2004 / 06/01/2004 - 07/01/2004 / 07/01/2004 - 08/01/2004 / 08/01/2004 - 09/01/2004 / 09/01/2004 - 10/01/2004 / 10/01/2004 - 11/01/2004 / 11/01/2004 - 12/01/2004 / 12/01/2004 - 01/01/2005 / 01/01/2005 - 02/01/2005 / 02/01/2005 - 03/01/2005 / 03/01/2005 - 04/01/2005 / 04/01/2005 - 05/01/2005 / 05/01/2005 - 06/01/2005 / 06/01/2005 - 07/01/2005 / 07/01/2005 - 08/01/2005 / 08/01/2005 - 09/01/2005 / 09/01/2005 - 10/01/2005 / 10/01/2005 - 11/01/2005 / 11/01/2005 - 12/01/2005 / 12/01/2005 - 01/01/2006 / 01/01/2006 - 02/01/2006 / 02/01/2006 - 03/01/2006 / 03/01/2006 - 04/01/2006 / 04/01/2006 - 05/01/2006 / 05/01/2006 - 06/01/2006 / 06/01/2006 - 07/01/2006 / 07/01/2006 - 08/01/2006 / 08/01/2006 - 09/01/2006 / 09/01/2006 - 10/01/2006 / 10/01/2006 - 11/01/2006 / 11/01/2006 - 12/01/2006 / 12/01/2006 - 01/01/2007 / 01/01/2007 - 02/01/2007 / 02/01/2007 - 03/01/2007 / 03/01/2007 - 04/01/2007 / 04/01/2007 - 05/01/2007 / 05/01/2007 - 06/01/2007 / 06/01/2007 - 07/01/2007 / 07/01/2007 - 08/01/2007 / 08/01/2007 - 09/01/2007 / 09/01/2007 - 10/01/2007 / 10/01/2007 - 11/01/2007 / 11/01/2007 - 12/01/2007 / 12/01/2007 - 01/01/2008 / 01/01/2008 - 02/01/2008 / 02/01/2008 - 03/01/2008 / 03/01/2008 - 04/01/2008 / 04/01/2008 - 05/01/2008 / 05/01/2008 - 06/01/2008 / 06/01/2008 - 07/01/2008 / 07/01/2008 - 08/01/2008 / 08/01/2008 - 09/01/2008 / 09/01/2008 - 10/01/2008 / 10/01/2008 - 11/01/2008 / 11/01/2008 - 12/01/2008 / 12/01/2008 - 01/01/2009 / 01/01/2009 - 02/01/2009 / 02/01/2009 - 03/01/2009 / 03/01/2009 - 04/01/2009 / 04/01/2009 - 05/01/2009 / 05/01/2009 - 06/01/2009 / 06/01/2009 - 07/01/2009 / 07/01/2009 - 08/01/2009 / 08/01/2009 - 09/01/2009 / 09/01/2009 - 10/01/2009 / 10/01/2009 - 11/01/2009 / 11/01/2009 - 12/01/2009 / 12/01/2009 - 01/01/2010 / 01/01/2010 - 02/01/2010 / 02/01/2010 - 03/01/2010 / 03/01/2010 - 04/01/2010 / 04/01/2010 - 05/01/2010 / 05/01/2010 - 06/01/2010 / 06/01/2010 - 07/01/2010 / 07/01/2010 - 08/01/2010 / 08/01/2010 - 09/01/2010 / 09/01/2010 - 10/01/2010 / 10/01/2010 - 11/01/2010 / 11/01/2010 - 12/01/2010 / 12/01/2010 - 01/01/2011 / 01/01/2011 - 02/01/2011 / 02/01/2011 - 03/01/2011 / 03/01/2011 - 04/01/2011 / 04/01/2011 - 05/01/2011 / 05/01/2011 - 06/01/2011 / 06/01/2011 - 07/01/2011 / 07/01/2011 - 08/01/2011 / 08/01/2011 - 09/01/2011 / 09/01/2011 - 10/01/2011 / 10/01/2011 - 11/01/2011 / 11/01/2011 - 12/01/2011 / 12/01/2011 - 01/01/2012 / 01/01/2012 - 02/01/2012 / 02/01/2012 - 03/01/2012 / 03/01/2012 - 04/01/2012 / 04/01/2012 - 05/01/2012 / 05/01/2012 - 06/01/2012 / 06/01/2012 - 07/01/2012 / 07/01/2012 - 08/01/2012 / 08/01/2012 - 09/01/2012 / 09/01/2012 - 10/01/2012 / 10/01/2012 - 11/01/2012 / 11/01/2012 - 12/01/2012 / 12/01/2012 - 01/01/2013 / 01/01/2013 - 02/01/2013 / 02/01/2013 - 03/01/2013 / 03/01/2013 - 04/01/2013 / 04/01/2013 - 05/01/2013 / 05/01/2013 - 06/01/2013 / 06/01/2013 - 07/01/2013 / 07/01/2013 - 08/01/2013 / 08/01/2013 - 09/01/2013 / 09/01/2013 - 10/01/2013 / 10/01/2013 - 11/01/2013 / 11/01/2013 - 12/01/2013 / 12/01/2013 - 01/01/2014 / 01/01/2014 - 02/01/2014 / 02/01/2014 - 03/01/2014 / 03/01/2014 - 04/01/2014 / 04/01/2014 - 05/01/2014 / 05/01/2014 - 06/01/2014 / 06/01/2014 - 07/01/2014 / 07/01/2014 - 08/01/2014 / 08/01/2014 - 09/01/2014 / 09/01/2014 - 10/01/2014 / 10/01/2014 - 11/01/2014 / 11/01/2014 - 12/01/2014 / 12/01/2014 - 01/01/2015 / 01/01/2015 - 02/01/2015 / 02/01/2015 - 03/01/2015 / 03/01/2015 - 04/01/2015 / 04/01/2015 - 05/01/2015 / 05/01/2015 - 06/01/2015 / 06/01/2015 - 07/01/2015 / 07/01/2015 - 08/01/2015 / 08/01/2015 - 09/01/2015 / 09/01/2015 - 10/01/2015 / 10/01/2015 - 11/01/2015 / 11/01/2015 - 12/01/2015 / 12/01/2015 - 01/01/2016 / 01/01/2016 - 02/01/2016 / 02/01/2016 - 03/01/2016 / 03/01/2016 - 04/01/2016 / 04/01/2016 - 05/01/2016 / 05/01/2016 - 06/01/2016 / 06/01/2016 - 07/01/2016 / 07/01/2016 - 08/01/2016 / 08/01/2016 - 09/01/2016 / 09/01/2016 - 10/01/2016 / 10/01/2016 - 11/01/2016 / 11/01/2016 - 12/01/2016 / 12/01/2016 - 01/01/2017 / 01/01/2017 - 02/01/2017 / 02/01/2017 - 03/01/2017 / 03/01/2017 - 04/01/2017 / 04/01/2017 - 05/01/2017 / 05/01/2017 - 06/01/2017 / 06/01/2017 - 07/01/2017 / 07/01/2017 - 08/01/2017 / 08/01/2017 - 09/01/2017 / 09/01/2017 - 10/01/2017 /


Powered by Blogger