insignificante
Thursday, October 28, 2010
 
Ontem foi o ultimo do DOC Lisboa 2010, que está de parabéns!
Vi três documentários do Joris Ivens.
Excelentes.
Em 1º "New Earth" sobre a construção do dique e drenagem e sucessivo aproveitamento agrícola de Zuiderzee.Um fresco impressionante, nas caras, no trabalho, no arrojo do projecto e sofrimento nele implicado.
Seguiu-se "Borinage" que é um filme sobre a luta, e sobre os motivos dessa luta, dos mineiros belgas nestes anos. A maior miséria a par com enorme, gigantesca combatividade. E valores associados a estas. De arrepiar!
E finalmente ouve-se a voz inconfundível de Ernest Hemnigway na "Terra D'Espanha" documentário maior, muito maior que o que mostra, da guerra civil espanhola, do trabalho, da luta e dos detalhes. Um filme sem respiração, tal a densidade e comoção que nos embargam os sentidos.
Joris Ivens mostra que é um grande, um enorme cineasta e um homem com a dimensão dos que filma e que dão voz à realidade neste espelhada.

Labels:

 
Tuesday, October 26, 2010
 
E hoje dou voz a outro:

# La morte di Simone La Penna è assassinio di Stato.
Alle responsabilità individuali che saranno accertate dai magistrati, si sommano quelle di uno Stato che consapevolmente tiene 68 mila persone in celle che ne potrebbero ospitare 44 mila, privandoli di assistenza psicologica e di cure mediche adeguate, salvo riempirli di psicofarmaci.
Ma il vero mandante, per Simone La Penna come per Stefano Cucchi, è quella politica criminogena che è il proibizionismo sulle droghe, che trasforma i consumatori in fuorilegge, i tossicodipendenti in criminali.
Sono oltre 28 mila i detenuti per violazione della legge sugli stupefacenti, mentre 553 mila sono i consumatori che in questi anni hanno subito procedimenti amministrativi e penali per mera detenzione di droga.
Occorre quanto prima superare il proibizionismo e abbattere i suoi costi sociali, civili e economici, tra i quali vanno ricomprese anche le torture cui sono costretti nelle carceri italiane detenuti e agenti penitenziari.#

Dichiarazione di Mario Staderini, Segretario di Radicali Italiani,

Que mostra o custo do proibicionismo e da errada política de "combate" ou melhor conivência com o narco-tráfico.
E desde já aqui empenho também a minha solidariedade a Marco Pannella em mais um Satyagraha também pela suspensão da pena de morte a Tarek Aziz.
Nada, nada justifica mais este assassínio de Estado, que ainda por cima como por milagre surge numa altura em que a sua voz ( de Tarek Aziz) pode ser significativa para trazer à superfície a verdade por detrás da guerra, as razões porque foi impedido o exílio de Sadam Hussein e assim evitada a guerra, que era querida por Bush, Blair, Aznar e Durão, no tal papel de capataz.

Labels: , ,

 
 
Tenho que confessar que já sabia da incapacidade e incompetência que grassa e abunda no Banco de Portugal.
Agora posso aqui colocar os nomes da sra. Ana Pereira C Pereira e da sra Fernanda Isabel Matias, que certamente com muito a fazer para assegurarem o tacho que lhes dá as sopas não são capazes sequer de ler as queixas dos cidadãos que se lhes dirigem (estas senhoras são responsáveis do Banco de Portugal)
Já sabia do desleixo total do Banco de Portugal para com os direitos dos cidadãos (agora acham que o mau trato ao balcão não tem nada que ver com normas específicas da actividade das instituições de crédito), sem comentários. Foi assim que chegámos onde chegámos, e esta gentalha não vai presa!? por isso foi sem surpresa que recebi a notícia do arquivamento, curiosamente na véspera de receber outra estranha carta da Caixa...

De igual calibre é a carta que recebo da sra. Rita Almeida, coordenadora do Gabinete de Apoio ao Cliente da Caixa Geral dos Depósitos. Outra que não sabe ler ou teria tido em conta que escrevi que nenhuma das operações que demoraram 1 hora e três quartos para realizar podia ter sido feita na panóplia de caixas e caixinhas que o balcão de Oeiras disponibiliza, e que a má gestão desse balcão (pese a simpatia e atenção dos funcionários!), juntamente com a redução dos funcionários do mesmo deveria ser sancionada por isso.

Notável é nenhuma destas duas cartas ineptas e escritas por ignorantes e incapazes tenha emails para lhe enviar o meu doce e opinativo (por causa das cousas..) comentário.

É claro se estavam a receber ordens do Teixeira dos Santos ou o procedimento teve alguma coisa a ver com Dias Loreiradas estão desculpados...

Labels: ,

 
Monday, October 25, 2010
 
Anouar Brahem Quartet... e nada...ou seja diluição nas notas, nos acordes, no vazio e som que o faz, com a respiração.
Um concerto sublime, hoje na Fundação Gulbenkian, enterrados nas velhas cadeiras, com a velha acústica quente dos tempos e ruídos que aqui passaram a deixar-nos divagar nas notas do Ud, e os restantes instrumentos que bordejam o jazz combinado com percursões de outras sonoridades.
Lindo como o som articulado pode fazer esquecer o mundo,em extase.

Labels:

 
Saturday, October 23, 2010
 
Coloquei hoje uma pequena reflexão na lista da ambio, onde com altos e por vezes baixos, que chega a baixaria (tenho sido alvo dos piores, mesmo piores insultos por autênticos labrostes) se vai produzindo algum empenho cívico de referência.
(...)
Junto um curioso documento onde se defende um tipo de intervenção e temas vários, alguns ambientais, numa lógica liberal e radical.
E se bem que não concorde com todos os items julgo que mostra que o respeito pela lei, e a actividade para a sua modifica são uma matriz de base.
Claro que há várias formas de democracia e vivemos num fulanismo travestido pela cultura mediática e balizas financeiras que preverte a representatividade, mas é nesse quadro e com uso de lógicas de participação cívica que devem ser implementadas em paralelo com a democracia formal (por exemplo as reuniões descentralizadas da CML que deviam ser modelo no país) e o uso dos mecanismos de expressão para os aumentar que se pode reforçar o Estado democrático e dar voz e respeito ao sentimento das populações.
Ver
http://www.manifestoclub.com/
que é um divertido exemplo de cidadania, sem pseudo referenduns ou agressões, mas muita opinião.
Só essa e a sua organização com regras e empenhos nesse quadro modifica.
(...)
A vida está a correr, a passo, a trote e já quase a galope.

Labels:

 
Friday, October 22, 2010
 
Pequenos arrivismos e reisinhos não nos fazem perder mais que o tempo, que também é útil da galhofa.
Hoje além de reunião da CNA-TRP fui ver um filme na linha da actividade da mesma.
# Gaza-Strophe, Le jour D'Aprés # de Samir Abdallah e Khéridine Mabrouk que é um relato firme dos efeitos da última operação de Israel em Gaza.
Bem sei que a guerra é anestesiante dos que a fazem, mas sabendo-se de quem a faz é duplamente trágico que tanta barbarie se tenha desenvolvido na alma sionista. É intolerável que tanta desumanidade possa ter crescido nos corações dos herdeiros do Holacausto. É inacreditável como devido a estes erros trágicos, esta lógica sem regras nem doutrina uma ideia de um povo, que é um conjunto de identidades, sem pátria esteja agora a destruir a pátria de um povo, que é aceitação internacional, respeito pela lei o o direito desta. E humanidade.
Para onde vais, Israel?

Labels: ,

 
 
Tinha informação pessoal e hoje confirmei oficiosamente que em número crescente gentes se afastavam do grupo de Matosinhos da Amnistia Internacional, e da própria Amnistia devido ao comportamento prepotente e arrogante dos, ainda não reconhecidos como tal em julgamento mas já em acta documentado,homofobos Reisinhos (e o tal outro).
Devido à publicidade que me deram cerca de 30% dos meus seguidores (curioso nome...) são de... Matosinhos por isso espero que difundam este meu mal estar.
Hoje sou, por mão amiga, informado de mais uma trastaria dos tais.
Agora foi vítima Fernando Nobre que teve que vir a público dizer:
“Não vale a pena insultarem-me por mail ou msg e muito menos tentarem a chantagem dando prazos para eu responder aos insultos e provocações “
O texto integral pode ser lido no site dele, e desde já toda a minha simpatia.
Julgo saber que se estaria a referir a um dos Reisinhos...

Em notícia de jornal sou informado, igualmente por mão amiga, que:

Citação:
"Os apoiantes de Fernando Nobre que preparavam efusivamente uma visita do candidato ao distrito, que ocorrerá entre 8 e 13 de Novembro, foram surpreendidos na sede distrital do Porto, na passada segunda-feira, com a notícia da proposta de «suspensão» de Carlos Wehdorn; Manuel Vilar de Macedo e Otília Reizinho"
São mesmo uns labrostes, no caso será singular, embora pelo que já sei dos outros...

Infelizmente não faz parte da lógica da A.I. tomar atitudes... vamos esperar pela condenação judicial e logo agiremos... porque aí... não haverá mais desculpas.
Gente sem princípios, sem categoria, sem dignidade não pode continuar a prepotentar seja que estrutura da Amnistia Internacional.

Labels:

 
 
Ontem os filmes começaram com um delicioso cartoon #Viagem a Cabo Verde# de José Miguel Ribeiro, onde com arte e inovação se constrói uma viagem no papel a parte de Cabo Verde e à suas gentes.
Bonito com uma morna no fim do mundo.
A seguir #Li Ké Terra# de Filipa Reis, João Miller Guerra e Nuno Baptista muito interessante filme, documento sobre uma juventude em busca de referentes e identidade, com momentos excepcionais, num guião bem estruturado que dá gosto.
E à noite um muro no estomago # El Sicario, room 164 # de Gianfranco Rossi. Fiquei ao lado de juiz de uma das varas da capital e em conversa prévia concordámos que só a legalização das drogas, obviamente num quadro internacional pode acabar com este inferno (ao mesmo tempo que revitalizar a economia e dar sinal concreto às sociedades) e falámos do Nobel Vargas Llosa e de uma das suas 1ªs e corajosas entrevistas foi para voltar a defender essa via, social, política e económica.
Não estavamos preparados para o que vimos... fabuloso como testemunho e drama. Quem o viu só pode pensar na via do anti-proibicionismo!!!

Labels: , ,

 
Thursday, October 21, 2010
 
Pode dizer-se que o ano não está a correr de feição para os Reisinhos e su muchacho.
Agora foi Guillermo Fariñas que ganhou o prémio Sakharov (outro que eles execravam quando eram membro do Partido).
Um prémio que me entusiasma particularmente, contra o Che (que era um assassino!)e os seus apoiantes, embora uma mitologia babaca o tenha recuperado como opositor ao stalinismo.
Mas eram todos iguais, só que houve uns que estiveram menos tempo no poder (como esse Che ou o Trotsky, conhecidos pisadores dos direitos humanos).
O Guillermo Fariñas é um lutador exemplar, que com a acção política não violenta (e apreciadores do tal pá vão retrocendendo caminho e aqui passo um louvor ao Gualter que tem mantido empenhado dialogo comigo).
Não há mal em recuar no caminho errado que se segue. Os Reisinhos (e o outro), por exemplo deviam ir passear para longe da Amnistia Internacional, que só provocam mau ambiente, sendo que o tempo e dinheiro que gastam na tal litigação é com eles, que eu passo muito bem, e espero o julgamento com tranquilidade, em Barrancos.
Mas hoje é festa, festa em Cuba, como ontem foi na China, como é sempre que um defensor dos direitos persiste na sua intransigência e na busca de justiça.
A ver para os que a apreciam e o humor dessa a exposição na Sociedade Guilherme Cossoul, de cartoons e direitos, humanos pois claro.

Labels:

 
Tuesday, October 19, 2010
 
Fantástico. Um documento de HISTÓRIA! Uma luta exemplar.
#Freedom Riders# de Stanley Nelson #Os viajantes da liberdade# conta uma saga exemplar, o empenho da não violência na revogação das leis segregacionistas nos Estados do Sul dos E.U.A.
Um empenho fantástico que mostra que as lutas justas tem que ter processos justos, e que toda a violência será castigada.
Comovente até às lágrimas e arrepiante até à medula.
Uma pequena estória que faz a grande HISTÓRIA.
Para todos os que falam de não violência sem saberem o que esta custa, sem saberem o compromisso e os valores.

Labels:

 
Monday, October 18, 2010
 
Hoje vi 4 curtas e médias metragens.
Dinheiro deitado à rua sem génio ou lógica de sequência, seja para os filmes que por falta de capacidade e com material de qualidade em mãos não souberam fazer cinema , como #Les Oiseaux d'Arabie# de David Yon que desperdiça material de alta qualidade num filme indigente e incapaz de arte, seja no inenarrável #Mendelssohn Bartholdy# de Rita Bakacs (por que raio foi seleccionado? ninguém o deve ter visto!), e mau, muito mau também o #Gateiras# de Tiago Matos e Ana Salvado que mostram não ter qualquer noção de "articulação" do que filmam...certamente por encomenda.
Bom, e a merecer elogio rasgado, # A Outra Guerra# de Elsa Sertório e Ansgar Schafer que faz um percurso histórico-antropológico de esquecidos da nossa História.
Mas um doc cheio de público e com muitos filmes...

Labels: ,

 
Sunday, October 17, 2010
 


É um Tapirus terrestris, vulgo Anta que aparece como que parabólicamente, para nos dar lastro para conversar sobre o relativismo cultural num magnifico documentário sobre e com #Lévi-Strauss e os Nambikwara#, de Marcelo Fortaleza Flores que hoje passou no Doc/Lisboa (e desde já festejar os organizadores e o Augusto M. Seabra) por um festival repleto de coisas boas e cada vez melhor.
O filme além da recuperação do espírito e presença do mestre tem um linha de texto excelente e Marcelo percebeu o poder da linguagem, dos signos...
Vi também #Comboio# de Isabel Dias Martins, que é um bom filme sobre emigração, e que só por engano pode ser publicitado como sobre comboios e o mítico SUD.
E também um radical (porque vai à raiz!) filme sobre Aveleda e a #Festa dos Rapazes# de Pierre Primetens, que é mais um contributo para uma sociologia do conhecimento do nosso país e os processos de transmissão/passagem socio-cultural nas nossas vilas e aldeias rurais.
Ontem não posso deixar de referir o excelente #Benda bilili# de Renaud Barret e Florent de la Tullaye, que nos mostra que só quem desiste é que não tem música, com uma estória fantástica de mutilados (de guerra?) de Kinshasa e a viver nas ruas que conseguem criar, recriar através de música, ritmo e lógica de texto forte (tipo rap) e empenhado uma nova sonoridade que enche o mundo e transforma a vida.
O doc está no caminho da excelência, e do mundo, por aí...

Labels: ,

 
Saturday, October 16, 2010
 
Podia ser sobre Portugal (e até a parte sobre o exército podia ter sido picada do que defendo à muito...) mas é sobre a necessidade de mais, mais Europa, e as alterações necessárias para começar a resolver a crise.
É que não tenhamos dúvidas, pelo que já ouvi, este orçamento é uma autêntica farsa, não toca em nenhum dos engulhos (Governos Civis, Fundações, Institutos é só para enganar o francês...) e parece feito por quem não andou na antiga escola primária e não sabe fazer contas na cabeça.
Louvado seja o Danny Cona-Bendita:
http://www.youtube.com/watch?v=wg5SU_bDNsA&feature=player_embedded
E já agora seria bom que este discurso fosse ouvido (eh,eh,eh) pelos melancias portugueses, com ou sem legendas.

Pós Scriptum:
Encontrei esta preciosidade de há só, só, 2 anos, da agência Lusa final Setembro 2008:
O primeiro-ministro, José Sócrates, afirmou hoje que o actual clima de negócios em Portugal permite o regresso ao sonho (do final dos anos 60) de construir em Sines um dos maiores complexos petroquímicos do mundo.

Sem comentários...

Labels:

 
Friday, October 15, 2010
 
Tem sido crise toda a semana. E as propostas mais improváveis.E todas a esbarrarem num peso pesado, que é o Estado mamão.
Acabar com Institutos e Fundações, fundir organismos do Estado com as mesmas funções, extinguir os Governos Civis, acabar com as Forças Armadas (e fazer como a Costa Rica que só tem forças policiais encarregues da defesa dos bens e segurança nacionais), e alterar, desde logo passo a passo, a política proibicionista (sobre as drogas), reduzir (em proposta lei para já!) o número de eleitos para todos os orgãos de representação e acabar com a maior parte da frota do Estado, e com a libertação deste peso da mama manter os níveis de impostos individuais e acabar com as off-shore e a impunidade das transacções financeiras e temos, teríamos uma receita liberal e sustentada para dar vida à economia.
Articulada com incentivos aos nichos de produção e exportação nacional e reequacionando lógicas de tributação também dos vectores produtivos em termos de mercado global (custos de electricidade, combustíveis, água e recursos básicos).
Mas não há quem tenha coragem nem capacidade para novas políticas...
Liberais e sociais.

Labels:

 
Monday, October 11, 2010
 
Um vídeo de arte. E de personagens. De vivências e de duende, muito duende.
Passes fantásticos, e o inigualável Picasso a ombrear com eles,,, e por todo o video uma emoção de,em cada passo, de,em cada gesto, de,em imortalidade.
Momentos de puro, puro Zen.
http://www.youtube.com/watch?v=Gbpfu-Fi9N8&feature=player_embedded

Labels:

 
 
Não merece comentários, aliás estão na posta sobre o Nobel deste ano, a posição do PCP sobre a sua atribuição.
Talvez seja menos conhecido é que esse partido era ainda há pouco (5 ou 6 anos?) o dos homofobos (conforme ex demonstrat) Reisinhos (e talvez do outro), de Matosinhos.
A mentira, a hipocrisia e/ou a ausência de valores não se desaprende. No caminho do oportunismo ainda passaram e não deixaram saudades pelo Bloco da Esquerda (conforme documentado, e testemunhado) para chegarem onde tivessem poleiro.
Estão referenciados.E ainda temos muito para contar...qual Nau Catrineta...
 
 
Não há palavras... mas podemos sempre soprar com o vento:

http://www.youtube.com/watch?v=kQRc3C8Ov4U&feature=player_embedded

Não há nada que se possa comparar ao assassínio de Estado.
Que não seja em nosso nome, que não sejamos dele cumplices, que ninguém diga que não sabia, que ninguém deixe de soprar pelos direitos, por todos os direitos humanos.

Labels:

 
Friday, October 08, 2010
 
Liu Xiaobo é um activista de direitos humanos chinês que recebeu hoje o Nobel da Paz.
Não há paz sem que os direitos, todos os direitos civis, sejam respeitados.
Não há paz sem que o Estado de Direito obedeça a regras de transparência no seu funcionamento, de poderes e contra-poderes, de independência dos tribunais, e de garantias, todas as garantias para os cidadãos.
Não há paz sem liberdade, todas as liberdades.
O execrável poder china, não ficou satisfeito, como não ficaram satisfeitos os seus sequazes nacionais, sequazes de um regime esclavagista e torcionário, de um regime sem regras nem qualquer direito que não seja dos gerontes cleptocratas que em nome do capitalismo selvagem mas escondendo-se sobre o nome de uma seita imoral chamada Partido Comunista mantêm o povo à redea curta.
Bem muito bem esteve a Amnistia Internacional e desde já felicito a Teresa Nogueira e o incansável Co-Grupo da China que ela com toda a energia anima, ao dar a devida importância a este prémio.
O reconhecimento da dura luta pelos direitos, pelos direitos humanos não é todavia um prémio mas um castigo que temos que carregar.O que queriamos era acabar com este, castigo está bom de ver.

Labels: ,

 
Thursday, October 07, 2010
 

Um dia cheio de notícias...

1- Mário Vargas LLosa recebe o Nobel da Literatura. Desta vez muito bem atribuido, a um grande escritor e um homem de valores e ética. E além disso um aficionado que tem escrito páginas de grande beleza, no El Pais, nomeadamente sobre esse elemento forjador de culturas e constituinte do "corpus" social da Ibéria.

2- Domingo é o Dia Mundial contra a Pena de Morte, e em Lisboa um conjunto de organizações, genericamente sérias e empenhadas, organizam uma concentração no Largo Camões pelas 17.30 para assinalar esse.
Tenho que referir que considero lamentável que no comunicado em que a convocam coloquem a Pena de Morte ao mesmo nível de outros atropelos aos direitos sociais, uma posição que tem triste memória...
A Amnistia Internacional que partilha destes príncipios não poderia subscrever esta posição.
Nada se pode comparar ao assassinato institucionalizado, em nosso nome.

3-Iniciou-se com um simpático "happening" o festival de cinema das bicicletas (ver post abaixo).
O zen está bem. Hoje também montei o Catatau mais de meia hora...

4- Recebi o número de Setembro de O INSTALADOR. Vale a pena.

Labels: ,

 
Wednesday, October 06, 2010
 
Dos jornais:
#FMI: Austeridade vai empurrar Portugal para a recessão em 2011#
No mesmo momento em que o 1º ministro... diz que vamos crescer 1,5%, com a credibilidade que as suas declarações têm...
Claro que com a contracção dos salários, com o aumento dos impostos, a redução de benefícios fiscais, a produção a estagnar ou diminuir (e ainda faltam as contabilizações referidas em post anterior, que hoje são claras, a descapitalização dos fundos de pensões da PT e o rombo dos BPN, e os efeitos das outras contabilizações,,, a que se poderá vir a juntar...a AutoEuropa...e etc) não vejo em que circo se conseguiria a mágica ilusionista de crescer o que está a diminuir em todos os segmentos, ou quase todos (que os off-shores não são para aqui chamados).
Sem um relançamento da economia, e esse passaria por cortar na despesa do Estado e corrigir situações referidas em vez de diminuir a capacidade de gerar actividades económicas sustentáveis que é nas retribuições do trabalho, não há crescimento.
Mas estes governantes sem ideias nem capacidades dessas nem sequer sabem seguir o trilho... e, pois então, agora o FMI está a cair-lhes em cima... pois com a diminuição de todos os factores que geram riqueza e um enfase total em medidas dilatórias de controle de danos no sector financeiro como é que não estamos simplesmente a adiar a bancarrota? Quem é que pensa, a não ser os obnubilados do governo e seus amigotes, que isto não vai no caminho do abismo?
Já não há paciência para esta matula... infelizmente a oposição, as oposições são a mesma desgraça, a mesma desgraça de sempre!

Labels:

 
Tuesday, October 05, 2010
 
Um momento zen, em Lisboa:
http://www.bicyclefilmfestival.com/lisbon
as bicicletas também são isso.

Labels:

 
Monday, October 04, 2010
 

A porta de Siracusa!!!
( na foto, à direita)

Os Fundos de Pensão da PT estão muito desfalcados!
(Fonte segura)
O negócio de vender a sede ao Fundo de Pensões, da própria Caixa está roto!
(Evidência!)
A crise do imobiliário (a designada bolha!) ainda não chegou.
(Viste?)
O negócio do BPN ainda não viu ponta de contas!
(Nem eu)
A divida individual (credito malparado) ainda está a ser contabilizada pelos bancos sem perceberem que está sem fundo.
(Só contado pra você)
Mas esta gente, quando continua a falar do TGV (o novo aeroporto já foi e obrigado), quando continua a falar de mais, mais um Instituto público, de mais, mais bois e vacas a granel, esta gente está a falar de quê? Está a atirar areia para os olhos de quem?
(Bad english, very, very bad)

Labels:

 
 

Preguiça, e não outro qualquer milagre, tem-me afastado da escrita, e da leitura também tenho que confessar com o Milénio Carvalho a meio...
Hoje não posso, também porque muita gente durante algum momento me pensou com simpatias pela instituição e forma de organização do Estado Monarquia, deixar de vir aqui saudar a Republica, de cujas bases e fundamentos partilho (independentemente de ter uma ideia outra da organização do poder e estrutura de organização do Estado, devendo ser dos poucos defensores de uma Republica de Parlamento e de estrutura bi-camaral).

A Republica é sobretudo uma ideia de dar uma voz ao universo eleitoral (que defendo deva ser o mais amplo) em todos os aspectos (definidos por lei elaborada por voto soberano) relevantes para o desenvolvimento das sociedades e da sua determinação no território.
O príncipio da ordem divina ou dos laços de sangue são espúrios à democracia e ao direito liberal.
Hoje venho aqui, independentemente de aceitar e ter amizades com monarquicos, que graças a alguns das minhas amizades são hoje aceites na Republica democrática, saudar a Republica.
Que infelizmente no tempo do seu tempo não soube honrar os seus determinantes, não soube por culpa dos que lhe deram conteúdo merecer outra continuidade senão a tragédia que durante 48 anos a cobriu de oprobio.
Hoje num tempo em que as lições desse outro tempo deviam ser meditadas e os ensinamentos do passado devia servir para a acção, assistimos a novos dobres de finados, pela economia, pela dignidade cívica, pela produção de ideias e capacidades de as tornar âncoras de projectos de salvação social.
Tudo se repete?
Como comédia, ou como dizia já Karl Marx como tragédia?
Veremos...
Por hoje:
Viva a Republica!

Labels:

 
civetta.buho@gmail.com

ARCHIVES
06/01/2003 - 07/01/2003 / 07/01/2003 - 08/01/2003 / 08/01/2003 - 09/01/2003 / 09/01/2003 - 10/01/2003 / 10/01/2003 - 11/01/2003 / 11/01/2003 - 12/01/2003 / 12/01/2003 - 01/01/2004 / 01/01/2004 - 02/01/2004 / 02/01/2004 - 03/01/2004 / 03/01/2004 - 04/01/2004 / 04/01/2004 - 05/01/2004 / 05/01/2004 - 06/01/2004 / 06/01/2004 - 07/01/2004 / 07/01/2004 - 08/01/2004 / 08/01/2004 - 09/01/2004 / 09/01/2004 - 10/01/2004 / 10/01/2004 - 11/01/2004 / 11/01/2004 - 12/01/2004 / 12/01/2004 - 01/01/2005 / 01/01/2005 - 02/01/2005 / 02/01/2005 - 03/01/2005 / 03/01/2005 - 04/01/2005 / 04/01/2005 - 05/01/2005 / 05/01/2005 - 06/01/2005 / 06/01/2005 - 07/01/2005 / 07/01/2005 - 08/01/2005 / 08/01/2005 - 09/01/2005 / 09/01/2005 - 10/01/2005 / 10/01/2005 - 11/01/2005 / 11/01/2005 - 12/01/2005 / 12/01/2005 - 01/01/2006 / 01/01/2006 - 02/01/2006 / 02/01/2006 - 03/01/2006 / 03/01/2006 - 04/01/2006 / 04/01/2006 - 05/01/2006 / 05/01/2006 - 06/01/2006 / 06/01/2006 - 07/01/2006 / 07/01/2006 - 08/01/2006 / 08/01/2006 - 09/01/2006 / 09/01/2006 - 10/01/2006 / 10/01/2006 - 11/01/2006 / 11/01/2006 - 12/01/2006 / 12/01/2006 - 01/01/2007 / 01/01/2007 - 02/01/2007 / 02/01/2007 - 03/01/2007 / 03/01/2007 - 04/01/2007 / 04/01/2007 - 05/01/2007 / 05/01/2007 - 06/01/2007 / 06/01/2007 - 07/01/2007 / 07/01/2007 - 08/01/2007 / 08/01/2007 - 09/01/2007 / 09/01/2007 - 10/01/2007 / 10/01/2007 - 11/01/2007 / 11/01/2007 - 12/01/2007 / 12/01/2007 - 01/01/2008 / 01/01/2008 - 02/01/2008 / 02/01/2008 - 03/01/2008 / 03/01/2008 - 04/01/2008 / 04/01/2008 - 05/01/2008 / 05/01/2008 - 06/01/2008 / 06/01/2008 - 07/01/2008 / 07/01/2008 - 08/01/2008 / 08/01/2008 - 09/01/2008 / 09/01/2008 - 10/01/2008 / 10/01/2008 - 11/01/2008 / 11/01/2008 - 12/01/2008 / 12/01/2008 - 01/01/2009 / 01/01/2009 - 02/01/2009 / 02/01/2009 - 03/01/2009 / 03/01/2009 - 04/01/2009 / 04/01/2009 - 05/01/2009 / 05/01/2009 - 06/01/2009 / 06/01/2009 - 07/01/2009 / 07/01/2009 - 08/01/2009 / 08/01/2009 - 09/01/2009 / 09/01/2009 - 10/01/2009 / 10/01/2009 - 11/01/2009 / 11/01/2009 - 12/01/2009 / 12/01/2009 - 01/01/2010 / 01/01/2010 - 02/01/2010 / 02/01/2010 - 03/01/2010 / 03/01/2010 - 04/01/2010 / 04/01/2010 - 05/01/2010 / 05/01/2010 - 06/01/2010 / 06/01/2010 - 07/01/2010 / 07/01/2010 - 08/01/2010 / 08/01/2010 - 09/01/2010 / 09/01/2010 - 10/01/2010 / 10/01/2010 - 11/01/2010 / 11/01/2010 - 12/01/2010 / 12/01/2010 - 01/01/2011 / 01/01/2011 - 02/01/2011 / 02/01/2011 - 03/01/2011 / 03/01/2011 - 04/01/2011 / 04/01/2011 - 05/01/2011 / 05/01/2011 - 06/01/2011 / 06/01/2011 - 07/01/2011 / 07/01/2011 - 08/01/2011 / 08/01/2011 - 09/01/2011 / 09/01/2011 - 10/01/2011 / 10/01/2011 - 11/01/2011 / 11/01/2011 - 12/01/2011 / 12/01/2011 - 01/01/2012 / 01/01/2012 - 02/01/2012 / 02/01/2012 - 03/01/2012 / 03/01/2012 - 04/01/2012 / 04/01/2012 - 05/01/2012 / 05/01/2012 - 06/01/2012 / 06/01/2012 - 07/01/2012 / 07/01/2012 - 08/01/2012 / 08/01/2012 - 09/01/2012 / 09/01/2012 - 10/01/2012 / 10/01/2012 - 11/01/2012 / 11/01/2012 - 12/01/2012 / 12/01/2012 - 01/01/2013 / 01/01/2013 - 02/01/2013 / 02/01/2013 - 03/01/2013 / 03/01/2013 - 04/01/2013 / 04/01/2013 - 05/01/2013 / 05/01/2013 - 06/01/2013 / 06/01/2013 - 07/01/2013 / 07/01/2013 - 08/01/2013 / 08/01/2013 - 09/01/2013 / 09/01/2013 - 10/01/2013 / 10/01/2013 - 11/01/2013 / 11/01/2013 - 12/01/2013 / 12/01/2013 - 01/01/2014 / 01/01/2014 - 02/01/2014 / 02/01/2014 - 03/01/2014 / 03/01/2014 - 04/01/2014 / 04/01/2014 - 05/01/2014 / 05/01/2014 - 06/01/2014 / 06/01/2014 - 07/01/2014 / 07/01/2014 - 08/01/2014 / 08/01/2014 - 09/01/2014 / 09/01/2014 - 10/01/2014 / 10/01/2014 - 11/01/2014 / 11/01/2014 - 12/01/2014 / 12/01/2014 - 01/01/2015 / 01/01/2015 - 02/01/2015 / 02/01/2015 - 03/01/2015 / 03/01/2015 - 04/01/2015 / 04/01/2015 - 05/01/2015 / 05/01/2015 - 06/01/2015 / 06/01/2015 - 07/01/2015 / 07/01/2015 - 08/01/2015 / 08/01/2015 - 09/01/2015 / 09/01/2015 - 10/01/2015 / 10/01/2015 - 11/01/2015 / 11/01/2015 - 12/01/2015 / 12/01/2015 - 01/01/2016 / 01/01/2016 - 02/01/2016 / 02/01/2016 - 03/01/2016 / 03/01/2016 - 04/01/2016 / 04/01/2016 - 05/01/2016 / 05/01/2016 - 06/01/2016 / 06/01/2016 - 07/01/2016 / 07/01/2016 - 08/01/2016 / 08/01/2016 - 09/01/2016 / 09/01/2016 - 10/01/2016 / 10/01/2016 - 11/01/2016 / 11/01/2016 - 12/01/2016 / 12/01/2016 - 01/01/2017 / 01/01/2017 - 02/01/2017 / 02/01/2017 - 03/01/2017 / 03/01/2017 - 04/01/2017 / 04/01/2017 - 05/01/2017 / 05/01/2017 - 06/01/2017 / 06/01/2017 - 07/01/2017 / 07/01/2017 - 08/01/2017 / 08/01/2017 - 09/01/2017 / 09/01/2017 - 10/01/2017 / 10/01/2017 - 11/01/2017 / 11/01/2017 - 12/01/2017 /


Powered by Blogger