insignificante
Tuesday, September 28, 2004
 
Espantoso.
E mostra ao nível a que desceu, parte, o sistema judicial português.
Hoje, eu e todo o Portugal digital, tivemos acesso à cópia integral do auto de inquirição de Eduardo Ferro Rodrigues, no dia 4 de Junho.
Fantástico.
Isto é só lixo!
Segredo de justiça? Imparcialidade nos processos? Estado de Direito?
Andam todos a reinar.D
 
Sunday, September 26, 2004
 
Estive num velório. Penso que estes acontecimentos são um significativo momento/elemento de análise sociológica.
Em Barrancos a lógica da sua organização, o corpo normalmente em casa, na sala e ainda toda a noite o cansaço a vencer a dor, e as histórias a lembrar o vivo. E no dia seguinte o funeral com os seus ritos e tempos, com a catarse colectiva o a honra individual.
Em Lisboa o tempo é outro tempo. O corpo fica, e bem encerrado durante as horas em que os vivos tem que dar corda biológica ao organismo que aquilo que o faz també, o sentimento e a dor essas só o tempo limita.
E sendo um momento de dor e tristeza é também de afectos e solidariedade. Presente, na festa, no abraço, no carinho. Porque todos passámos por momentos destes, porque todos os passaremos.
A presente de cada um, com os silêncios e as hitórias, as conversas que continuam como a vida e passam sobre o que fica.
E o telefonema que vem de longe, que não pode pela distância estar presente mas que também está, ali.
Na dor, no tempo que passa a dor, nas carnes que passam o tempo.
A morte é também a reconciliação com a vida de que é parte.
A morte também nos descobre o fundo. Que seja sempre cristalino.
E, apesar de tudo, gostei de (re)ver o Velez.
Porque aparecer é sentir.
 
 
Poucas vezes, cada vez menos, lemos qualquer coisa nova e inspiradora.
No El País de hoje vem uma reportagem e um artigo de opinião de referência. Assim como, limpando as idiosincrisias habituais, o texto de A. Barreto no Público de hoje.
A reportagem é sobre a problemática da droga. Talvez se se olhasse para o texto do A. Barreto e o sobre o envolvimento do escritor do Perez-Revere e se completar com o texto sobre a iliterecia dos leitores do Harry tudo começe a fazer sentido.
O pensamento liberal é um castelo de areia!
Como dizia o D.-H.-Thoreau.a
 
Saturday, September 25, 2004
 
Convocada de boca a orelha realizou-se hoje em Vila Franca um tentadero de exibição de novos artistas de várias escolas taurinas.
Mais de trezentas pessoas assistiram a prometedoras exibições de novilhos, quase toiros, lidados em pontas por jovens toreiros. S
Segui-se uma patuscada que se prolongou pela conversa a encher os ouvidos e as sensações.
Recordámos uma exibição com honra de T.V. de fanáticos a baterem com as suas próprias cabeças contra as paredes lutando pela extinção dos toiros. Rimo-nos muito.
Enquanto houver campos, lezírias e montados e toiros para os justificar e valorizar não passarão!f
 
Thursday, September 23, 2004
 
Já tinhamos (temos) um 1º ministro, que mesmo o Velez usando toda a sua competência, não pode disfarçar, que é o exemplo perfeito da Lei de Murphy.
Quanto pior é o desempenho em qualquer função de que se ocupe, o passo seguinte é desempenhar uma função de mais responsabilidade. Não sei se a escolha do pobre Velez já teve a ver com essa rirresponsabolidade ou se no caso foi repartida.
Agora temos o caso espantoso (que talvez venha a ser desmentido, todavia, hoje mesmo pelo 1ª) da inenarrável Celeste ir sentar a bumba na administração da Caixa (aconselho quem ainda lá tem nota a fechar a conta, como eu fiz, iniciando o processo de libertação dos funcionários públicos há 15 anos!). è que se muitos, muitos milhares o fizerem a sra fica sem poltrona.
Vamos a isso malta.u
 
Wednesday, September 22, 2004
 
Temos que protestar e levantar a nossa voz contra todas as "brincadeiras" com que nos querem brindar. Custe o que custar.
Hoje fui fazer a inspecção periódica ao meu automóvel. Tive que pedir o livro de reclamações e escrevi ao Director Geral de Viação.
Transcrevo:

"Ex.mo Sr.
Director Geral de Viação

Venho anexar-lhe cópia de reclamação que tive que preencher no CIMA, bem como cópia da ficha de inspecção técnica.

Aproveito para referir que a pequena amolgadela já havia passado nas duas inspecções anteriores feitas no mesmo local e na de há dois anos tanto a luz de nevoeiro mencionada como a de mudança de direcção (embora em mau estado estão remendadas por oficina) já estavam nas actuais condições.

Venho referir que na altura de qualquer das duas inspecções não dei qualquer propina aos funcionários das mesmas.
Fiquei surpreendido por no período de tempo em que estive em espera vários veiculos terem passado pela área de inspecção sem cumprirem quaisquer formalismo, mas certamente que qualquer menor legalidade terá sido ilusão minha.

Venho solicitar-lhe, por entender que tal extravassa as funções do CIMA que me informe se devo proceder à reparação da pequena mossa (pela empresa referida como amologado!) ou se tal se deve a algum contrato com empresas de bate chapas e é portanto displicente.

Solicitando a vossa resposta de forma a que possa dar cumprimento as questões que penso foram razoavelmente referidas, em tempo útil,

Com os melhores cumprimentos
António Eloy "

Não é que por todo o lado nos tentam ludibriar?
N
 
Thursday, September 16, 2004
 
Lisboa:
Parque Mayer, onde a CML já enterrou milhares de Euros, é propriedade (quase todo) do Sr. A. Amorim.
Feira Popular, que obriga neste momento ao pagamento de milhares de euros pela CML ao grupo do Século, continua a ser usado por inúmeros restaurantes que não tem qualquer ordem de despejo. O espaço continua sem utilização.
A maioria das concessões da CML estão em situação ilegal, nomeadamente por falta de pagamentos, muitas vezes dos próprios contratos.
As concessões são quase sempre adjudicadas aos amigos.
O Vasco Franco não pode discordar da entrada do Fontão no governo da cidade, por razões obvias.
Será que os jornais (onde pára o Cerejo?) não sabem o que quem quizer sabe?
Porque será que nada é publicado e que um jornal, qualquer que seja, só dura um café e uma ou outra opinião?
Porque será que ninguém investiga as contas do Narciso?
Porque é que ninguém pergunta ao sr. Jardim Gonçalves o que pensa do Valentim?
E porque será que o Santana Lopes aparece todos os dias no telejornal a dizer inanidades? Será influencia do Velez ou ele foi sempre assim?
E será que o Velez já não acha que o Brejnev foi um grande estadista?f
 
 
Desde o fim dos emparcelamentos no século XVII, para o desenvolvimento do ovino, base da revolução industrial e do fim da agricultura em
Inglaterra que nenhuma legislação levará a maior destruição do que resta do ambiente natural nas ilhas britânicas, sendo embora esse natural hoje quase todo artificial, que a absurda legislação hoje passada por cretinos comuns ingleses.O fim da caça à raposa, para além de levar à destruição de coudelarias e de escolas de treino de cães ( e não se ouvem os protectores desses animais...) levarà a um aumento significativo do número de raposas.
Ora tal criarà mais um desequilíbrio nos ecosistemas.Mas as piedosas almas de puritanos animalistas conseguiram levar o seu desatino avante.A história provará que estão errados.
Não se pode contrariar a natureza. Ela volta a galope....
 
Wednesday, September 15, 2004
 
Fui ver o Terminal de S.Spielberg. Filme que devia ser obrigatório em todas as escolas de psicologia. A questão do espaço e das suas regras. A questão do moldamento da personalidade (Pavlov). E o poder.
Um filme para pensar e discutir. Fará mais contra o G. Bush que qualquer M. Moore.È
 
 
Mergulhado no regresso à produção vamos esquecendo a memória. Que nos surge diaria do Brasil ou dos Estados Unidos via os jornais electrónicos que assinamos.
Hoje o escandalo que são algumas candidaturas municipais (absoluto surrealismo!) no Brasil e para além de interessantes reflexões de Ira Chernu informações detalhadas sobre o total descalabro no Iraque (e também no Afeganistão, hoje outra vez território taliban...).
Nos jornais nacionais continuamos a ver o mundo parado. Deve ser porque há quem o veja assim...ou porque há quem queira que o vejamos assim...e
 
Monday, September 13, 2004
 
Recomendo. Vão até Beja, comam uma empadinha no Luís da Rocha, sigam até Serpa. Parem na Vemos, Ouvimos e Lemos e vejam a excelente exposição (e optimo investimento!) do ZAndre, jantem no Alentejano ou no Molhó Bico. Fiquem na Estalagem, que está bonita de perder. Vão entretanto ao Rosal e ganhem a viagem só na compra de uma caixa de Monte Cristo (5). Voltem e se já estiver aberto comam uma cabeça de borrego no Lebrinha e bebam a magnífica imperial. Se tiverem tempo deem um salto ao Pulo.
Parem, escutem e olhem que o tempo é sempre veloz.
 
Friday, September 10, 2004
 
Tinha-se reconvertido em taberneiro. Mas continuava a ser um artista e um ouvidor, mais que conversador. Passámos bons tempos na Universidade, partilhando as artes e as suas histórias. Bebemos e rimos juntos. Não o faremos mais. O tempo guardará a memória e à sua memória bebamos mais um copo. Morreu Ricardo Bottino.r
 
Wednesday, September 08, 2004
 
Ainda a retomar o ritmo do frenesim em que se vive o quotidiano, relatórios, textos, reuniões, aulas, conferências, mais reuniões, termino as leituras do Verão; a excelente reedição do Hemingway, traduzido pelo Sena "Fiesta", sublime, e um livro curioso "O Segredo dos Templários",onde sob muita palha temos interessantes exegeses dos textos biblicos e algumas interligações históricas relevantes. Pena a quantidade de fantasia com que está adornado e os autores manifestamente estarem como os belgas, numa sala redonda à procura de batatas fritas pelos cantos.
u
 
Monday, September 06, 2004
 
Recomeçamos as correrias e os atascos, que são devidos a burocracias e atrasos que devem ter algo de genético. E em breves momentos de funcionalidade, normalmente em momentos de distensão tudo parece tão claro e resolúvel.
Hoje ao almoço falámos do ex-Velez.
Não deve haver vergonha suficiente para lhe cobrir as faces. Porque a perdeu toda.Como justificará ele a rocambolesca história do barco, ou dos professores, ou dos incêndios, ou do licenciamento das eólicas (que em Espanha além da electricidade limpa criaram 80.000 empregos!), ou a boçalidade em que este governo se espelha? Talvez porque perdeu a verticalidade e só se inclina perante o "Moloch"?
 
Sunday, September 05, 2004
 
Volta o tempo chuvoso. Voltamos. Lentamente ainda a arrumar o sossego e a calma e prontos para a incerteza do quotidiano.
Mais um ano que vai começar, para os que continuamos.u
 
civetta.buho@gmail.com

ARCHIVES
06/01/2003 - 07/01/2003 / 07/01/2003 - 08/01/2003 / 08/01/2003 - 09/01/2003 / 09/01/2003 - 10/01/2003 / 10/01/2003 - 11/01/2003 / 11/01/2003 - 12/01/2003 / 12/01/2003 - 01/01/2004 / 01/01/2004 - 02/01/2004 / 02/01/2004 - 03/01/2004 / 03/01/2004 - 04/01/2004 / 04/01/2004 - 05/01/2004 / 05/01/2004 - 06/01/2004 / 06/01/2004 - 07/01/2004 / 07/01/2004 - 08/01/2004 / 08/01/2004 - 09/01/2004 / 09/01/2004 - 10/01/2004 / 10/01/2004 - 11/01/2004 / 11/01/2004 - 12/01/2004 / 12/01/2004 - 01/01/2005 / 01/01/2005 - 02/01/2005 / 02/01/2005 - 03/01/2005 / 03/01/2005 - 04/01/2005 / 04/01/2005 - 05/01/2005 / 05/01/2005 - 06/01/2005 / 06/01/2005 - 07/01/2005 / 07/01/2005 - 08/01/2005 / 08/01/2005 - 09/01/2005 / 09/01/2005 - 10/01/2005 / 10/01/2005 - 11/01/2005 / 11/01/2005 - 12/01/2005 / 12/01/2005 - 01/01/2006 / 01/01/2006 - 02/01/2006 / 02/01/2006 - 03/01/2006 / 03/01/2006 - 04/01/2006 / 04/01/2006 - 05/01/2006 / 05/01/2006 - 06/01/2006 / 06/01/2006 - 07/01/2006 / 07/01/2006 - 08/01/2006 / 08/01/2006 - 09/01/2006 / 09/01/2006 - 10/01/2006 / 10/01/2006 - 11/01/2006 / 11/01/2006 - 12/01/2006 / 12/01/2006 - 01/01/2007 / 01/01/2007 - 02/01/2007 / 02/01/2007 - 03/01/2007 / 03/01/2007 - 04/01/2007 / 04/01/2007 - 05/01/2007 / 05/01/2007 - 06/01/2007 / 06/01/2007 - 07/01/2007 / 07/01/2007 - 08/01/2007 / 08/01/2007 - 09/01/2007 / 09/01/2007 - 10/01/2007 / 10/01/2007 - 11/01/2007 / 11/01/2007 - 12/01/2007 / 12/01/2007 - 01/01/2008 / 01/01/2008 - 02/01/2008 / 02/01/2008 - 03/01/2008 / 03/01/2008 - 04/01/2008 / 04/01/2008 - 05/01/2008 / 05/01/2008 - 06/01/2008 / 06/01/2008 - 07/01/2008 / 07/01/2008 - 08/01/2008 / 08/01/2008 - 09/01/2008 / 09/01/2008 - 10/01/2008 / 10/01/2008 - 11/01/2008 / 11/01/2008 - 12/01/2008 / 12/01/2008 - 01/01/2009 / 01/01/2009 - 02/01/2009 / 02/01/2009 - 03/01/2009 / 03/01/2009 - 04/01/2009 / 04/01/2009 - 05/01/2009 / 05/01/2009 - 06/01/2009 / 06/01/2009 - 07/01/2009 / 07/01/2009 - 08/01/2009 / 08/01/2009 - 09/01/2009 / 09/01/2009 - 10/01/2009 / 10/01/2009 - 11/01/2009 / 11/01/2009 - 12/01/2009 / 12/01/2009 - 01/01/2010 / 01/01/2010 - 02/01/2010 / 02/01/2010 - 03/01/2010 / 03/01/2010 - 04/01/2010 / 04/01/2010 - 05/01/2010 / 05/01/2010 - 06/01/2010 / 06/01/2010 - 07/01/2010 / 07/01/2010 - 08/01/2010 / 08/01/2010 - 09/01/2010 / 09/01/2010 - 10/01/2010 / 10/01/2010 - 11/01/2010 / 11/01/2010 - 12/01/2010 / 12/01/2010 - 01/01/2011 / 01/01/2011 - 02/01/2011 / 02/01/2011 - 03/01/2011 / 03/01/2011 - 04/01/2011 / 04/01/2011 - 05/01/2011 / 05/01/2011 - 06/01/2011 / 06/01/2011 - 07/01/2011 / 07/01/2011 - 08/01/2011 / 08/01/2011 - 09/01/2011 / 09/01/2011 - 10/01/2011 / 10/01/2011 - 11/01/2011 / 11/01/2011 - 12/01/2011 / 12/01/2011 - 01/01/2012 / 01/01/2012 - 02/01/2012 / 02/01/2012 - 03/01/2012 / 03/01/2012 - 04/01/2012 / 04/01/2012 - 05/01/2012 / 05/01/2012 - 06/01/2012 / 06/01/2012 - 07/01/2012 / 07/01/2012 - 08/01/2012 / 08/01/2012 - 09/01/2012 / 09/01/2012 - 10/01/2012 / 10/01/2012 - 11/01/2012 / 11/01/2012 - 12/01/2012 / 12/01/2012 - 01/01/2013 / 01/01/2013 - 02/01/2013 / 02/01/2013 - 03/01/2013 / 03/01/2013 - 04/01/2013 / 04/01/2013 - 05/01/2013 / 05/01/2013 - 06/01/2013 / 06/01/2013 - 07/01/2013 / 07/01/2013 - 08/01/2013 / 08/01/2013 - 09/01/2013 / 09/01/2013 - 10/01/2013 / 10/01/2013 - 11/01/2013 / 11/01/2013 - 12/01/2013 / 12/01/2013 - 01/01/2014 / 01/01/2014 - 02/01/2014 / 02/01/2014 - 03/01/2014 / 03/01/2014 - 04/01/2014 / 04/01/2014 - 05/01/2014 / 05/01/2014 - 06/01/2014 / 06/01/2014 - 07/01/2014 / 07/01/2014 - 08/01/2014 / 08/01/2014 - 09/01/2014 / 09/01/2014 - 10/01/2014 / 10/01/2014 - 11/01/2014 / 11/01/2014 - 12/01/2014 / 12/01/2014 - 01/01/2015 / 01/01/2015 - 02/01/2015 / 02/01/2015 - 03/01/2015 / 03/01/2015 - 04/01/2015 / 04/01/2015 - 05/01/2015 / 05/01/2015 - 06/01/2015 / 06/01/2015 - 07/01/2015 / 07/01/2015 - 08/01/2015 / 08/01/2015 - 09/01/2015 / 09/01/2015 - 10/01/2015 / 10/01/2015 - 11/01/2015 / 11/01/2015 - 12/01/2015 / 12/01/2015 - 01/01/2016 / 01/01/2016 - 02/01/2016 / 02/01/2016 - 03/01/2016 / 03/01/2016 - 04/01/2016 / 04/01/2016 - 05/01/2016 / 05/01/2016 - 06/01/2016 / 06/01/2016 - 07/01/2016 / 07/01/2016 - 08/01/2016 / 08/01/2016 - 09/01/2016 / 09/01/2016 - 10/01/2016 / 10/01/2016 - 11/01/2016 / 11/01/2016 - 12/01/2016 / 12/01/2016 - 01/01/2017 / 01/01/2017 - 02/01/2017 / 02/01/2017 - 03/01/2017 / 03/01/2017 - 04/01/2017 / 04/01/2017 - 05/01/2017 / 05/01/2017 - 06/01/2017 / 06/01/2017 - 07/01/2017 / 07/01/2017 - 08/01/2017 /


Powered by Blogger